Página inicial  Mapa do site Contactos 
  Agenda   Revista de imprensa   Números-chave   FAQs
Pesquisa
 عربية    Español    Français    English    Deutsch    Русский    Português   Italiano  
sábado, 28 de Março de 2020

 
Turismo Minimizar

A exemplo dos países do Mediterrâneo, o Reino de Marrocos dedica especial atenção ao sector turístico. Com efeito, Marrocos procurava constantemente os meios eficientes capazes de dinamizar este sector.

Photo1_Tourisme.jpg

Tendo em conta a posição privilegiada do Reino de Marrocos, a sua situação geográfica - fachada Atlântica e mediterrânica - a importancia deste sector em termos de divisas bem como o papel importante que ocupa nos intercâmbios socioculturais, seria conveniente orientar e impulsar o desenvolvimento deste sector.

Photo2_Tourisme.jpg


Com efeito, Marrocos assinou um contrato/programa 2000-2010 que implica o conjunto dos sócios e profissionais do turismo para atingir 10 milhões de turistas a partir do ano 2010.

Photo3_Tourisme.jpg

A região do Sara é conhecida por seus encantos naturais, sítios ecoturísticos, oasis, extensas paisagens desérticas, dunas de areia e sabkhats que oferecem passeios inesquecíveis.

Photo4_Tourisme.jpg

A abundância de sítios turísticos potenciais necessita uma planificação integrada no âmbito de uma estratégia global e uma sinergia entre os poderes públicos e os operadores privados para estabelecer uma política de valorização destas riquezas naturais.

Photo5_Tourisme.jpg

Actualmente, a actividade das agências de viagens da região do Sara estão orientadas para atrair um número, cada vez mais crescente, de turistas e homens de negócios que procedem, sobre tudo, das Ilhas Canárias e que efetuam visitas que não excedem dois ou três dias ou algumas horas.

Photo6_Tourisme.jpg

Investimentos nacionais e estrangeiros foram realizados na região para desenvolver o turismo na região. Estes investimentos referem-se a infra-estruturas hoteleiras, clubes, residências secundárias e vilas. Estes projectos serão realizados nos 3 próximos anos.

Photo7_Tourisme.jpg

Para acompanhar estes investimentos, foram tomadas medidas para o reforço das campanhas publicitárias, a formação do pessoal e o recrutamento de pessoal qualificado para os hotéis da região.

Photo_Tourisme_oubli.jpg

No âmbito de esta estratégia de desenvolvimento, foram identificadas regiões turísticas para promover o turismo na região do Sara como: Laâyoune Praia, Lagoa de Khnifiss, Oasis de Lamseid e Sebkhat de Tah.

Photo8_Tourisme.jpg

À espera da concretização destas infra-estruturas, organizam-se várias manifestações turísticas como a semana económica e turística de Laâyoune Sakia El Hamra, o Rallye aéreo Toulouse, Tarfaya, Santo Louis, e Raid Maroc Evasion.

Photo9_Tourisme.jpg

Estas manifestações seriam susceptíveis de atrair mais visitantes na região. Apesar da importância das potencialidades desta região, o turismo ainda é pouco desenvolvido. A província conta com 12 hotéis não classificados com 289 habitações e uma capacidade de 459 camas.

Photo10_Tourisme.jpg

Em 2005, mais de 20.000 turistas (762 dos quais estrangeiros) visitaram esta região. Sítios de interesse turístico e religioso foram identificados: Zaouias de Sidi Ahmed Rguibi, Cheikh Maouelainin, Sidi Ahmed Laaroussi, Lhaj Hmer Lahya, Sidi Ahmed Oumoussa, as gravuras rupestres de Aassli e Miran, Oued Saguia El Hamra.

O quadro seguinte apresenta o número de chegadas de turistas e noites nas principais cidades da região do Sara (até 31 de Dezembro de 2005):

Tableau_nuites.gif

O quadro seguinte apresenta os estabelecimentos turísticos classificados e não classificados da região (ao 31 de Dezembro de 2005):

Províncias e prefeituras

*

**

***

****

*****

VVT

Residências turísticos

Casas de hóspedes

Albergue

Motéis

Pensões

Total

Oued eddahab-Lagouira

-

1

-

1

-

-

-

-

-

-

-

2

Dakhla

-

1

-

1

-

-

-

-

-

-

-

2

Laayoune-Boujdour-Sakia El Hamra

 

3

 

3

 

2

 

4

 

-

 

-

 

-

 

1

 

-

 

-

 

-

 

13

Laayoune

3

3

3

4

-

-

-

1

-

-

-

13

Guelmim-Smara

4

 

3

4

-

-

3

-

3

1

-

-

18

Guelmim

3

-

2

-

-

3

-

1

-

-

-

9

Tan-Tan

1

2

-

-

-

-

-

1

-

-

-

4

Tata

-

1

1

-

-

-

-

1

1

-

-

4

Assa-Zag

-

-

1

-

-

-

-

-

-

-

-

1


O quadro abaixo apresenta a capacidade de alojamento (N° de camas) (até 31 de Dezembro de 2005):

Províncias e prefeituras

*

**

***

****

*****

VVT

Residências turísticos

Casas de hóspedes

Albergue

Motéis

Pensões

Total

Oued eddahab-Lagouira

-

76

-

164

-

-

-

-

-

-

-

240

Dakhla

-

76

-

164

-

-

-

-

-

-

-

240

Laayoune-Boujdour-Sakia El Hamra

 

184

 

148

 

152

 

660

 

-

 

-

 

-

 

20

 

-

 

-

 

-

 

1 164

Laayoune

184

148

152

660

-

-

-

20

-

-

-

1 164

Guelmim-Smara

182

 

186

210

-

-

114

-

40

20

-

-

752

Guelmim

118

-

80

-

-

114

-

18

-

-

-

330

Tan-Tan

64

78

-

-

-

-

-

10

-

-

-

152

Tata

-

108

110

-

-

-

-

12

20

-

-

250

Assa-Zag

-

-

20

-

-

-

-

-

-

-

-

20



Perspectivas de desenvolvimento na região do Sara

Dois grandes projectos estão em curso, trata-se de:
  • Equipamento da cornija da Baía de Dakhla
  • Equipamento da zona turística "Foum Labouir", situada ao norte da cidade de Dakhla
A região de Oued Eddahab - Lagouira oferece potencialidades turísticas muito variadas. Com efeito, vários factores conjugam-se a favor de um desenvolvimento turístico das regiões.

A situação geográfica da região e a configuração territorial da baía Oued Eddahab (Comprimento 40 Km e amplitude entre 4 e 8 Km), às praias com areia fina granulometria, tempo soleado ao longo do ano, tudo isso faz da região um dos sítios turísticos mais notáveis a nível mundial.


As potencialidades turísticas

As riquezas turísticas da região asseguram-lhe um futuro prometedor:

  • A situação geografica de Dakhla (numa uma quase península) permite a instalação de um equipamento balnear
  • Tempo soleado ao longo do ano
  • Uma grande diversidade de praias de uma beleza excepcional
  • Prática de diferentes des portos náuticos como o surf-casting, a pesca submarina e o esqui náutico, bem como o wind surf e o kite surf....
  • Dunas, cadeias de montanhas e deserto (possibilidade de desenvolvimento e a promoção do turismo de descoberta e aventura).
  • Último refúgio de espécies raras: reserva biológica de Gerguaratt.
  • Bosques naturais ricos em caça.
  • Fauna notável (gazela, abetardas etc.....).
  • Importantes sítios arqueológicos gravuras rupestres: montanhas de Aguerguer (fósseis), os vestígios arqueológicos de Bir Anzarane, as dunas de areia de "Pano A Sucar", os Menires a Aousserd.
  • As particularidades geográficas e climáticas da região (clima moderado de 18 à 26°, com a influência de alizé marítimo e a corrente fria das Ilhas Canárias.
  • A existência de dois portos, o novo porto que é destinado às actividades ligadas à pesca e o antigo porto que pode ser explorado para a pesca desportiva e para as actividades náuticas.
  • Proximidade das Ilhas Canárias que recebem anualmente 14 milhões de turistas e que constituem uma metrópole turística internacional e que começam a ser saturadas.
Photo11_Tourisme.jpg

Além disso, a região é o berço de um folclore rico e variado e uma hospitalidade secular demonstrada a través de diversas manifestações organizadas por ocasião de festas religiosas e nacionais.


Photo12_Tourisme.jpg


Oportunidades de investimento:

As oportunidades de investimento são diversas e variadas:
  • Hotelaria
  • Restauração
  • Turismo cultural
  • ECO turismo
  • Turismo balneairio
  • Desportos Náuticos
  • Parques de atracção
  • Ligação por navios do divertimento entre Dakhla e El Argoub
  • Transporte turístico

As festividades

As principais festividades na região do Sara podem-se resumir nas seguintes:

- A semana turística de Laâyoune
A semana turística de Laâyoune é uma manifestação anual que se celebra do 26 de Outubro ao 6 de Novembro de cada ano, trata-se de um espaço de exposição e venda do conjunto de produtos do artesanato local : jóias, móveis de madeira e artigos de couro. Esta manifestação caracteriza-se igualmente pela celebração da música tradicional, arte do teatro e uma panóplia de jogos infantiles.
Os espaços de exposições são constituídos geralmente pelas tendas sarianas. Com efeito, a semana turística de Laayoune pode ser considerada como um espaço para intercâmbio cultural, artístico, socioeconómico e encontro de diversas culturas.

- A corrida de dromedarios
Na comuna rural de Foum El Oued, a corrida é organizada anualmente e é acompanhada de festividades tradicionais. Esta corrida é organizada durante três dias no fim do mês do Junho, conhece a participação de um grande número de dromedarios que atinge 400 dromedarios.

- Os Moussems de Zaouias
Pouco numerosos na região do Sara e são reservados exclusivamente aos tribos.

Photo13_Tourisme.jpg


    
© CORCAS 2020 - Todos os direitos reservados