Página inicial  Mapa do site Contactos 
  Agenda   Revista de imprensa   Números-chave   FAQs
Pesquisa
 عربية    Español    Français    English    Deutsch    Русский    Português   Italiano  
quinta-feira, 27 de Novembro de 2014

 
Agricultura & criação de gado Minimizar

O sector agrícola na região do Sara é baseado principalmente na criação de gado do tipo pastorícia associado às actividades de agricultura irrigada em oásis.

Photo1_Agri.jpg

A população total destas províncias é essencialmente rural. Os agricultores (cerca de 6.400),  dedicam-se na sua maioria à criação de camelos na maior parte das províncias.

Photo2_Agri.jpg

A superfície total da região do Sara é de 24 milhões de hectares, dos quais 130.000 ha de superfície agrícola útil. Os recorridos constituem a componente principal do sistema agrícola da região dominado pela criação de camelos.

Photo3_Agri.jpg

A superfície irrigada é de 500 ha consagrada principalmente às culturas forrageiras e hortícolas. Além disso, nos anos chuvosos, superfícies importantes (50.000 ha) são irrigadas pelas águas da cheia (Elfayed).
O sector da pecuária é constituído pelo dromedário, cujo efectivo é de 140.000 cabeças; ou seja, 67% do gado nacional. As outras espécies animais são constituídas por 380.000 cabeças de caprinos, 300.000 cabeças de ovinos e 1.100 cabeças de bovinos. A zona dispõe igualmente de 30 unidades avícolas.

Photo4_Agri.jpg

A região sofre diversos constrangimentos, os principais são :
  • Clima sariano caracterizado por  pluviometría fraca;
  • Níveis de produção relativamente diminutos;
  • Terrenos sofrendo degradação (erosão???) avançada.
Apesar dos constrangimentos naturais, a região do Sara apresenta vantagens para o desenvolvimento agrícola :
  • Existência de um potencial apreciável em recursos naturais, permitindo o desenvolvimento de uma agricultura de oásis pastoral. Esta agricultura, pelo seu carácter ancestral, permite a preservação da biodiversidade;
  • Habilidade e experiência dos agricultores em matéria de gestão dos recursos naturais, recursos hídricos e agrícolas dos oásis;
  • Invernos clementes em zonas costeiras que permitem a produção de culturas hortícolas fora de estação.

Realizações empreendidas pelos serviços responsáveis encarregados da agricultura e pecuária


A região do Sara conheceu a execução de vários programas de desenvolvimento e instauração de importantes infra-estruturas.

Estes programas referiram-se essencialmente a projectos de :
    1 – gestão hidro-agrícola destinada à melhoria da irrigação
    2 – valorização agrícola e do desenvolvimento rural para a valorização da produção agrícola.
    3 – infra-estrutura para o desenvolvimento do sistema do registo predial, da geodesia e da topografia 
    4 – instauração dos serviços de apoio ao desenvolvimento agrícola.

As principais realizações são focalizadas nos domínios seguintes :

Em matéria da gestão hidro-agrícola (24,5 MDh)
Tomados como um todo, os perímetros de PMH apresentam diversas características comuns que lhes são específicas, tendo em conta os meios naturais e socioeconómicos onde são desenvolvidos. As principais especificidades tomadas em consideração são :
  • A dimensão dos perímetros de PMH compreendida entre 15 e 50 ha em relação directa com a natureza e o grau de mobilização dos recursos de água;
  • A água de irrigação provêm de lençóis subterrâneos;
  • O estatuto dos solos agrícolas dos perímetros depende do Domínio Público Hidráulico devido à sua localização nos oueds cursos de água.??
Em matéria de irrigação, a região do Sara conheceu a realização de programas de gestão hidro-agrícola para a reabilitação da rede de irrigação e a criação de novos perímetros.

Durante este período, um programa (de 24,5 MDh) foi realizado. Este programa enquadrou perímetros sobre uma superfície total de cerca de 1054 Ha.

Em matéria de produção agrícola (151,9 MDh)
Tendo em conta a vocação da região, os principais programas baseiam-se no desenvolvimento da pecuária cujo balanço global das realizações é resumido abaixo:

A cobertura sanitária do gado por :
  • A realização das campanhas de profilaxia contra as doenças contagiosas de todas as espécies animais, por um custo de 0,8 MDh por ano. A taxa de cobertura de vacinação atingiu os 60 a 70% (de acordo com as espécies animais e as doenças em causa).
  • A luta contra as doenças parasíticas internas e externas, essencialmente em proveito da criação de camelos, com uma taxa de cobertura de 60 %. o custo médio é de 2,8 MDh por ano.
  • controle de salubridade dos produtos animais (carne, leite e produtos da pesca). O custo médio anual destas operações é de 0,8 MDh
Execução de programas de grande envergadura para a protecção do gado através de :
  • criação, gestão e equipamento de 580 pontos de água, por um montante de 70 MDh. Além disso, a zona é dotada de 44 camiões cisternas. São renovados periodicamente para assegurar o transporte da água para o abeberamento do gado.
  • a tomada a cargo de custos de transporte de cevada pelo Estado para a alimentação do gado (uma quantidade média de 400.000 Qx por ano). O custo médio anual é de 20 MDh.
  • o equipamento de terrenos sobre uma superfície de 7.350 ha e a construção de 163 cisternas com um custo global de 15,6 MDh.
  • a promoção da criação de camelos através da organização de feiras de pecuária e a concessão de prémios a criadores: em média 4 concursos por ano por 0,4 MDh.
Em matéria de luta antiacridienne :
É necessário recordar que os programas de luta realizados geraram um custo total nacional de 600 MDh. Uma parte destes programas foi realizada na região do Sara.

Em matéria de infra-estrutura para o desenvolvimento (8,6 MDh)
  • Instauração de uma estação meteorológica com um custo de 0,2 MDh para dispôr de dados agro meteorológicos necessários para a valorização agrícola.
  • Criação de 4 fábricas de transformação de leite com uma capacidade de aproximadamente 5 milhões de litros/ano e um custo de 7 MDh.
  • A construção de uma estação de criação de camelos em Layoune para investigação aplicada e o contrôle dos parâmetros da criação desta espécie com um custo de 1,2 MDh. Além disso, em parceria com a Agência do Sul e o Conselho Provincial de Laayoune, um projecto para a realização do hipo camelódromo está em curso de lançamento (custo total previsional de 8 MDh).
  • Criação de duas estações avícolas com um custo de 0,7 MDh para a promoção da produção local de carnes brancas.
  • Criação de um matadouro municipal em Layoune com um montante de 5 MDh.
No que respeita ao registo predial geodésico e de cartografia (350 MDh)
As realizações nas três Regiões do Sul baseiam-se sobre:
  • 4.505 requisições de registo predial em cursos de tratamento;
  • 20.608 títulos fundiários e planos cadastrais em sequência das operações de matrícula;
  • Geodesia:
    • 1.500 pontos de equipamentos geodésicos;
    • 25 estações Doppler e 3 estações GPS permanentes;
    • 1.320 quilómetros de nivelamento de precisão;
    • 600 pontos gravimétricos.
  •  325.000 km² de tomada de vistas aéreas (PVA);
    277 mapas, planos e fotomosaico a diferentes escalas.
Estas actividades permitiram a segurança da propriedade fundiária e a sua introdução no circuito económico bem como o estabelecimento de documentos indispensáveis para a planificação e o estudo de qualquer projecto económico e social. O custo global destes trabalhos é de 350 MDh.

No que respeita o apoio ao serviço de desenvolvimento agrícola
O departamento instaurou uma importante infra-estrutura, meios humanos e materiais para fornecer os serviços necessários para o desenvolvimento agrícola nesta zona do território nacional. A esse respeito, a região do Sara comporta:
  • Quatro Direcções Provinciais de Agricultura (DPA) e 4 Centros de Trabalhos (CT) agrícolas que têm por missões assegurar os serviços de animação e de conselho dos produtores, bem como do contrôle de salubridade dos produtos alimentares e a protecção dos vegetais;
  • Dois serviços da conservação fundiária e dois serviços do cadastro nas cidades de Layoune e Dakhla, dispondo dos equipamentos e dos meios humanos e logísticos necessários;
  • Um domínio experimental para a investigação agronómica em Layoune, que empreende investigações nos domínios do desenvolvimento da criação do dromedário, a palmeira tamareira e a preservação de oasis;
  • Duas delegações, em Dakhla, para o contrôle e a coordenação das exportações;
  • Um serviço, em Laâyoune, para assegurar um fornecimento regular de farinha às províncias do Sul;
  • Um centro de qualificação agrícola, em Laâyoune, que formou 497 laureados em policultura e pecuária e 759 filhos e filhas de agricultores;
O conjunto dos recursos humanos mobilizados para o cumprimento dos diversos programas de acção supracitados ascende a 309 agentes, 15,5% dos quais são quadros superiores de diferentes especialidades (engenheiros, veterinários, etc.).

Os edificios construídos durante este período cobrem uma superfície de aproximadamente 20.000 m2 (construções administrativas e habitações). Fornecem-se os equipamentos necessários para estas construções (material técnico, informática, móbiliário, etc..), estes equipamentos são renovados periodicamente.


Resultados e experiência

Desde 1975, os programas de desenvolvimento iniciados pelo Reino referem-se a vários domínios de importância estratégica. Os projectos de desenvolvimento e os programas de investimento em infra-estruturas são consolidados e reforçados cada ano.

Estes esforços permitiram atingir resultados apreciáveis em matéria de produção animal e vegetal.

A região do Sara produz localmente uma parte importante das necessidades alimentares locais, especialmente no que respeita aos produtos de pecuária (2.700 toneladas por ano de carnes vermelhas, 2.030 toneladas por ano de carnes brancas e 8.000 toneladas por ano de leite).

Os projectos realizados permitirão certamente mobilizar mais as potencialidades na região, valorizar os seus produtos, nomeadamente reforçando a reconstituição da manada e a melhoria da produção vegetal nos perímetros de irrigação, preservando ao mesmo tempo os recursos naturais locais.

Infra-estruturas realizadas na região do Sara

Províncias

 

 

 

 

Smara

Layoune

Boujdour

Dakhla

Total

Estação meteorológica

 

PMH

Pontos de água

 

Cisternas

 

Número

 

Custo

(MDh)

Sup

(ha)

Custo

(MDh)

Número

Custo

(MDh)

Número

Custo

(MDh)

-

-

2

0,5

53

5,1

99

8,1

-

-

105

14,6

185

14,3

25

3,3

1

0,2

13

0,8

-

11

19

2,3

-

-

934

8,6

82

17,7

20

1,9

1

0,2

1054

24,5

320

48,1

163

15,6


Províncias

 

 

 

 

 

Smara

Layoune

Boujdour

Dakhla

Total

Fábrica de leite

 

Estação avícola de camelos

 

Número

 

Custo

(MDh)

Sup

(ha)

Custo

(MDh)

1

 

-

-

2

0,8

2

1,7

-

4,6

-

-

1

1,6

1

0,2

4

7

3

1,9


População de agricultores na região do Sara

Províncias

 

Número de agricultores

 

Smara

Layoune

Boujdour

Dakhla

Total

912

3,977

899

631

6,419



Mapas de ilustração :

Clique
aqui para descarregar um mapa explicativo da Pecuária na região do Sara.
Clique
aqui para descarregar um mapa explicativo sobre a produção vegetal na região do Sara.
Clique
aqui para descarregar o mapa da Pequena e Média Hidráulica na região do Sara.


    
© CORCAS 2014 - Todos os direitos reservados